Os nossos Exames

Descubra todas as especialiadades e exames do CDM

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Raio-X

 
O raio x é um método de imagem em que esta é obtida com a emissão de radiações. É um método de diagnóstico de várias patologias.

No CDM o exame de raio X é efetuado por Técnicas de Radiologia credenciadas e posteriormente interpretado por um(a) Médico(a) Radiologista, que elabora o respectivo relatório. O CDM possui métodos de controlo da qualidade e quantidade da radiação emitida pelos aparelhos de raio x, que possuem os requisitos técnicos de filtragem das radiações.

O controlo de qualidade e quantidade da radiação é ainda efetuada por empresas credenciadas e certificadas nessa área.
 
NÃO DEVE SER REALIZADO POR GRÁVIDAS!
 
 
 
 

 
 
 
 

Ortopantomografia

 
Exame radiológico para estudo da arcada dentária.
Permite uma avaliação conjunta do maxilar.
É realizada através de um ortopantomografo GE, em que o foco de raio x efetua uma rotação em torno do doente.
 
NÃO DEVE SER REALIZADO POR GRÁVIDAS!
 
 
 
 

 
 
 
 

Telerradiografia

 
Exame radiológico fundamental na Ortodontia e Cirurgia maxilo-facial.
Permite uma avaliação da relação entre as estruturas esqueléticas, partes moles e a arcada dentária, em tamanho real.
É habitualmente efetuada uma radiografia de perfil.
 
NÃO DEVE SER REALIZADO POR GRÁVIDAS!
 
 
 
 

 
 
 
 

Densitometria Óssea

 
É uma técnica que permite quantificar a massa óssea em diversos segmentos do esqueleto, sendo utilizada mais frequentemente a avaliação da coluna, colo do fémur e antebraço.

Avalia a densidade mineral óssea e o risco de fratura nos diversos segmentos.Faz estudos comparativos após o tratamento.

No CDM é feita com tecnologia avançada, DEXA (absorciometria com duplo feixe de raios x). O Utente é posicionado deitado sobre uma mesa, sendo percorrido pelo aparelho que faz leitura da massa óssea. A exposição à radiação é extremamente baixa. Os resultados são posteriormente analisados pelo(a) Médico(a) Radiologista, que elabora o respetivo relatório.
 
NÃO DEVE SER REALIZADO POR GRÁVIDAS!
 
 
 
 

 
 
 
 

Avaliação da Composição Corporal

 
Este exame é efetuado utilizando tecnologia de absorciometria bifotónica com utilização de Raio X. Permite obter, para além da composição do corpo em massa óssea, tecido gordo e magro, a percentagem e distribuição da gordura e músculos.
 
 
 
 

 
 
 
 

Mamografia

 
A mamografia é uma técnica que utiliza raios x para efetuar uma radiografia de alta resolução da mama.

A radiação utilizada é baixa, sendo efetuada compressão mamária programada pelo aparelho em duas incidências para cada mama. Está recomendado como exame de rotina e de rastreio a partir dos 40 anos. No caso de mulheres mais jovens e grávidas, o método mais utilizado é a ecografia mamária, que também é utilizada como método complementar da mamografia para diagnóstico de patologia mamária.

É fundamental a Utente trazer os exames anteriores (mamografia e ecografia mamária).
 
NÃO DEVE SER REALIZADO POR GRÁVIDAS!
 
 
 
 

 
 
 
 

Ecografia

 
É um método de imagem que utiliza os ultra-sons, para obtenção de imagens em tempo real do corpo humano. Não há radiação ionizante, sendo um exame sem qualquer risco.

No CDM estes exames são sempre efetuados por Médicos(as) Radiologistas credenciados.
 
 
 
 

 
 
 
 

Ecografia Obstétrica 1º/2º/3º Trimestre

 
A Ecografia Obstétrica permite a vigilância adequada na gravidez, avaliando o bem estar e crescimento fetal e detetando eventuais anomalias fetais com posterior orientação terapêutica.

O CDM está equipado com um ecógrafo GE Voluson (equipamento topo de gama na área da Obstetrícia).
 
_

Dra. Cátia Lourenço (Médica Obstetra da área de Diagnóstico Pré-Natal)
 
Dra. Mónica Melo (Médica Obstetra da área de Diagnóstico Pré-Natal)
 
 
 
 

 
 
 
 

Rastreio Bioquímico

 
O CDM disponibiliza a realização de rastreios bioquímicos através do Laboratório BMAC - Análises Clínicas.
 
 
 
 

 
 
 
 

Estudo Obstétrico 3D/4D

 
Durante a gravidez a única maneira que a grávida possui de tomar contacto com as características físicas do bebé é através da ecografia.

O estudo 3D/4D, que poderá ser realizado em qualquer altura é aconselhado no 3º trimestre, proporcionando imagens muito próximas das formas que o bebé irá ter no nascimento. O nosso equipamento GE Voluson está munido de um sistema muito evoluído de aquisição de imagens 3D/4D, com gravação do exame numa PEN e impressão de fotografia do feto.
 
_

Dra. Cátia Lourenço (Médica Obstetra da área de Diagnóstico Pré-Natal)
 
Dra. Mónica Melo (Médica Obstetra da área de Diagnóstico Pré-Natal)
 
 
 
 

 
 
 
 

Radiologia de Intervenção (Biópsias)

 
Uma biópsia é um procedimento que consiste na remoção de material anatómico através de uma picada no órgão ou local a estudar.

No CDM são efetuadas dois tipos de biópsias com controlo ecográfico (citológicas e histológicas), sendo o produto enviado para análise para o Laboratório de Anatomia Patológica Dr. Eduardo Ferreira. Estes exames são sempre efetuados por Médicos(as) Radiologistas sob anestesia local e respeitando as regras adequadas de assepsia.
 
 
 
 

 
 
 
 

Eco-Doppler

 
Exame ecográfico que permite a avaliação dos vasos sanguíneos e a determinação dos seus fluxos.Tem aplicação no estudo dos vasos carotídeos, abdominais, dos membros superiores e inferiores (veias e artérias).

No CDM estes exames são sempre efetuados por Médicos credenciados.
 
 
 
 

 
 
 
 

Ecocardiografia

 
Permite o estudo cardíaco em tempo real modo M e bidimensional e com estudo doppler, para avaliação do fluxo sanguíneo do coração e seus vasos. No CDM estes exames são sempre efetuados por Médicos(as) Cardiologistas, elaborando posteriormente o respetivo relatório.
 
 
 
 

 
 
 
 

Ecocardiografia Pediátrica

 
O Ecocardiograma Pediátrico permite a deteção precoce de múltiplas patologias cardíacas no grupo pediátrico para sua posterior orientação terapêutica.
 
_

Dra. Ana Carriço (Cardiologista Pediátrica)
 
 
 
 

 
 
 
 

Ecocardiografia Fetal

 
As doenças cardíacas (cardiopatias) são a malformação congénita mais frequente, ocorrendo em 8 por cada 1.000 nascimentos.

Atualmente é possível o diagnóstico precoce da maior parte destas cardiopatias através da realização de um ecocardiograma fetal. Este é um exame que se faz idealmente entre as 20-24 semanas de gestação, podendo no entanto ser realizada até ao final de gestação. Consiste na realização de uma ecografia com o objetivo de avaliar a anatomia e a função cardíaca. Em caso de anomalia será possível fazer a programação adequada do parto e prestar a assistência necessária ao recém-nascido.
 
_

Dra. Ana Carriço (Cardiologista Pediátrica)
 
 
 
 

 
 
 
 

Electrocardiograma (ECG)

 
É o registo da variação dos potenciais elétricos gerados pela atividade cardíaca.

No CDM é realizado por técnicos(as) credenciados(as), sendo o seu relatório posteriormente elaborado por Médicos(as) Cardiologistas.
 
 
 
 

 
 
 
 

MAPA

 
Avaliação da tensão arterial durante um período de tempo, em ambulatório. Este estudo é feito habitualmente durante 24horas, sendo as medições da tensão arterial efetuadas de 15/15min durante o dia e de 30/30min durante a noite. Desta forma é obtido um registo tensional do paciente durante este período, nas suas rotinas habituais durante o dia e durante a noite.Todas estas recomendações serão fornecidas pela técnica na altura de colocação de aparelho.

O relatório é posteriormente elaborado por Médicos(as) Cardiologistas.
 
 
 
 

 
 
 
 

Eletroencefalograma (EEG)

 
O eletroencefalograma ou eletroencefalografia é um exame que permite registar a atividade elétrica espontânea cerebral, através de elétrodos aplicados no couro cabeludo. Esta área está altamente especializada na Pediatria.
 
_

Técnica Adriana Ribeiro (Técnica de Neurofisiologia)
 
Dr. Rui Chorão (Neurologista e Neurofisiologista)
 
 
 
 

 
 
 
 

Eletromiografia (EMG)

 
É um exame que estuda a função dos vários nervos que transmitem a sensibilidade e a força, bem como os músculos.

O exame é realizado pela Dra. Eugénia Macedo que, para explorar os nervos, colocará elétrodos de superfície em locais específicos do corpo, especialmente nas extremidades, transmitindo estímulos repetidos de corrente elétrica. Na exploração dos músculos será necessário utilizar um elétrodo especial em forma de agulha fina, descartável (para não causar riscos de contágio), que se introduz e regista a atividade elétrica muscular.